terça-feira, 15 de abril de 2014

APEOC radicaliza e descentraliza assembleias

assembleia.municipio
A Direção do Sindicato APEOC decidiu radicalizar na organização e representação por local de trabalho e realizando 12 assembleias regionais no interior do estado do Ceará, assim no dia 03-04-14 ocorreram nos municípios de ITAPIPOCA e CAMOCIM; dia 04-04-14 em SOBRAL e TIANGUÁ; dia 05-04-14 em CRATEÚS; dia 07-04-14 na região do Cariri (CRATO - manhã e MILAGRES - tarde); dia 08-04-14 no Sertão Central – QUIXADÁ e Vale do Jaguaribe – RUSSAS e centro sul em IGUATU; dia 09-04-14 no Maciço em BATURITÉ, e dia 10-04-14 na Região Metropolitana em FORTALEZA.
Iguatu.300x
Os editais de convocações foram tornados públicos, e colocados no SITE www.apeoc.org.br a partir no dia vinte e oito de março do ano de dois mil e quatorze, nos termos dos art. 7º, letra “p”, art. 9º, “a”, art. 11 e 12, e art. 13, “a” e “b”, do seu Estatuto, do art. 9º, letra “a”, art. 10 e art. 11 do Estatuto Social do Sindicato APEOC, com a finalidade dar informes acerca do processo de negociação com o Governo do Estado do Ceará e definir uma política de fortalecimento da estrutura sindical da entidade em todo o Estado do Ceará.

As principais conquistas da PAUTA após processo de negociação com a SEDUC e Governador foi motivo de informe, debate e aprovação:

  1. MilagresExtraclasse;
  2. Liminares da era Tasso;
  3. Regularização do 1/3 para atividade extraclasse em lei;
  4. Decreto regulamentando a Ampliação Definitiva;
  5. Decreto de atualização do teto e do valor do Auxilio Alimentação;
  6. Publicação dos Atos de Estabilidade;
  7. Homologação do Concurso do Magistério de 2013;
  8. Auxilio Alimentação para os Professores Temporários;
  9. Russas  300x
    Aumento da PVR;
  10. Prorrogação de 80% do FUNDEB para pagamento de professores;
  11. Descompressão da carreira;
  12. Valorização dos funcionários da educação; e
  13. Regularização da situação funcional dos servidores lotados SEDUC, SEFOR e CREDEs.

Na PAUTA NACIONAL os informes são:

  • Crato
    NACIONALIZAÇÃO DA CARREIRA COM DIRETRIZES EM LEI FEDERAL;
  • ROYALTIES DO PETRÓLEO PARA A VALORIZAÇÃO DOS EDUCADORES E INVESTIDO NOS ESTADOS E MUNICÍPIOS NOS MESMOS PERCENTUAIS QUE OS TOYALTIES DA UNIÃO;
  • CRIAÇÃO DO FUNDO NACIONAL DE EQUALIZAÇÃO E EFETIVAÇÃO DAS DIRETRIZES NACIONAIS DE CARREIRA (EM LEI FEDERAL);
  • CARREIRA E JORNADA PARA TODOS OS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO;e
  • CONTRA A PROPOSTA DE REAJUSTE DOS GOVERNANTES E O INPC.
A continuidade das negociações da comissão de negociação paritária APEOC x SEDUC com prioridade para 2014 a descompressão da carreira; a homologação, convocação e posse dos professores aprovados no concurso para professor em 2013; a valorização dos funcionários da educação.
Fonte: APEOC

Nenhum comentário:

Postar um comentário