sexta-feira, 30 de maio de 2014

Sindicato APEOC reúne Concursados




O Sindicato APEOC realizou no final da tarde de ontem (29), no auditório do Instituto São José, uma reunião com os candidatos aprovados no último concurso municipal de Camocim. Estiveram presentes no evento, o representa do Ministério Público Estadual, Dr. Paulo Trece, o Defensor Público, Dr. Edmar Albuquerque, e o advogado do Sindicato APEOC, Dr. Ítalo Bezerra.



As dezenas de candidatos presentes se inteiraram acerca do andamento da Ação Civil Pública que foi movida pela Defensoria e Sindicato APEOC, e julgada procedente pelo Juiz de Direito da 2ª Vara, Dr. Edilberto Lima, no início deste ano.

O Dr. Paulo Trece, apesar de não poder manifestar publicamente a sua posição sobre a ação em curso, esclareceu ao público sobre os caminhos jurídicos a serem percorridos pelos interessados na nomeação. 
Já o Dr. Edmar Albuquerque, Defensor Público, explicou o que fora feito até aqui em favor dos aprovados e confirmou o seu irrestrito apoio no prosseguimento da ação que deverá ser julgada no Tribunal de Justiça. Também criticou a posição do governo municipal que: 
a) Em 2013 contratou sem permissão legal;

b) Gastou relevante soma de dinheiro público em uma auditoria de empresa particular que apresentou várias deficiências; 

c) Insistiu na contratação de temporário em 2014, sem processo de seleção pública e, o que pior: preterindo os concursados.
O advogado do Sindicato APEOC, Dr. Ítalo Bezerra, assegurou que, tão logo seja enviado para o TJ-CE, o nosso departamento jurídico irá acompanhar e solicitar celeridade daquela corte para o seu julgamento.
Já o Prof. Neudson Carvalho, presidente de nossa Comissão, lamentou a falta de palavra da prefeita Monica Aguiar que, prometeu mas não cumpriu, o que fora acordado naquele mesmo auditório, em setembro de 2012. A gestora afirmou que iria convocar os concursados e, "conforme a carência, chamaria os classificados". Só promessa. Só palavras. Enquanto isso, os candidatos ficam no prejuízo. E a educação pública municipal também.
Finalizando, ficou acertada a realização de uma nova reunião com os aprovados no início de junho, a fim de tratarmos da moção de Mandados de Segurança em favor dos mesmos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário