quarta-feira, 27 de maio de 2015

Reajuste de 13% começa a tramitar

salario.dinheiroO governador Camilo Santana deve apresentar, amanhã, na Assembleia Legislativa, mensagem que trata do reajuste de 13% no salário base dos professores da rede estadual, que passará para R$ 1.927,64. Esta será a quinta vez que o chefe do Poder Executivo comparecerá à Casa nos últimos cinco meses.
De acordo com o líder do Governo, Evandro Leitão (PDT), a mensagem que será entregue pelo governador vai melhorar as condições de trabalhos dos professores do Estado, justificando que a proposta foi construída em acordo com o Sindicato Apeoc, que representa a categoria. "O governador está tendo um respeito grande com as categorias de trabalhadores do Estado".
A matéria inicia a tramitação nas comissões técnicas permanentes da Assembleia Legislativa no início de junho e deve ser votada até o fim do mês, conforme o pedetista. Leitão acredita que o projeto não deva enfrentar polêmica, já que é de interesse da maior parte da categoria. O governador anunciou o reajuste no fim de abril, em coletiva de imprensa que contou com representantes do Sindicato Apeoc.
O petista afirmou que a proposta seria encaminhada ainda no mês de maio. Depois de apresentada e lida no Plenário 13 de Maio, a proposta segue para as comissões de Constituição e Justiça, Educação, Serviços Públicos e Orçamento. Caso receba parecer favorável e aprovação nos grupos, volta para o plenário para ser votada.
Retroativo
O reajuste pretende igualar o salário dos profissionais de Educação no Estado com o piso nacional dos professores, beneficiando quase 49 mil educadores da rede estadual. O valor a ser pago deve ser retroativo ao mês de janeiro deste ano.
Assembleia aprovou em abril mensagens do Governo que concediam direitos aos profissionais de Educação, como a concessão de vale-refeição para professores temporários e a criação de vagas para professor associado em universidades estaduais.
Fonte: APEOC

Nenhum comentário:

Postar um comentário